SERNANCELHE PAGA EM MÉDIA EM 4 DIAS, ESTÁ NO RANKING DOS 7 MELHORES DO DISTRITO E ENTRE OS 100 MUNICÍPIOS DO PAÍS COM MELHOR EFICIÊNCIA FINANCEIRA

SERNANCELHE PAGA EM MÉDIA EM 4 DIAS, ESTÁ NO RANKING DOS 7 MELHORES DO DISTRITO E ENTRE OS 100 MUNICÍPIOS DO PAÍS COM MELHOR EFICIÊNCIA FINANCEIRA

O Município de Sernancelhe paga em média aos seus fornecedores em quatro dias, está entre os sete melhores municípios do Distrito de Viseu e destaca-se nos 100 com melhor eficiência financeira em Portugal. Quem o diz é o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, referente ao ano de 2017, apresentado em outubro, um trabalho realizado por especialistas da Universidade do Minho e do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave. O Anuário da Ordem dos Contabilistas Certificados foi elaborado em colaboração com o Tribunal de Contas, o Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) e a Universidade do Minho.

O Anuário Financeiro, que analisa o exercício de 2017, confirma Sernancelhe no 43º lugar entre os municípios de pequena dimensão em termos de eficiência financeira, tendo registado, desde 2014, uma subida de 44 lugares.

O nosso Concelho destaca-se igualmente quanto ao tempo que demora a pagar a quem fornece serviços ao Município, apresentando um prazo médio de pagamento de apenas quatro dias.

prazo medio de agamento

Situação que merece destaque neste Anuário é o passivo exigível, considerado pelos autores do estudo “uma das variáveis mais importantes da gestão financeira dos municípios”. Sernancelhe está no ranking dos 50 municípios com menor passivo exigível na posição 38.

menor passivo

Surge também bem posicionado no ranking global dos municípios do Distrito de Viseu, na posição 7, sendo o 5º melhor município de pequena dimensão.

ranking 5 municipios

A nível nacional o Concelho consta dos 100 municípios com melhor eficiência financeira. A boa prestação de Sernancelhe e dos municípios de pequena dimensão merece a seguinte análise dos autores do Anuário Financeiro: “Da lista dos 100 melhores municípios 19 são de grande dimensão, 38 de média dimensão e 43 são de pequena dimensão. Considerando que os pequenos municípios representam 60,1% do total de municípios, conclui-se que, de forma global os municípios de pequena dimensão são os que têm mais dificuldades em integrar o ranking dos 100 melhores municípios em termos financeiros, justificado essencialmente pelo baixo valor de receitas provenientes de impostos”.

100 melhores

Para o Presidente da Câmara Municipal de Sernancelhe, Carlos Silva Santiago, os dados divulgados pelo Anuário Financeiro merecem toda a credibilidade e "este Documento é uma análise respeitada da situação económica e financeira das contas dos municípios, servindo este ranking como forma de percebermos a evolução ou regressão verificadas em cada setor, a cada ano, e também como medidor da qualidade do serviço público que prestamos aos nossos munícipes e da estratégia de desenvolvimento que implementamos nos nossos territórios".

 

O Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses é uma análise económica e financeira das contas dos 308 municípios relativas ao exercício económico de 2017. Os dados foram obtidos através da consulta dos websites dos municípios e entidades e da plataforma do Tribunal de Contas.