Confraria da Castanha e Confraria da Maçã organizaram capítulo em comum

Confraria da Castanha e Confraria da Maçã organizaram capítulo em comum. Mais de 50 confrarias de todo o País estiveram em Sernancelhe. D. Duarte de Bragança foi entronizado confrade de Honra

A iniciativa de juntar duas confrarias e realizar um capítulo em comum é inédita. Mas conseguir que esse mesmo momento seja partilhado por mais de 50 confrarias de norte a sul do País, por mais de 250 confrades e que D. Duarte de Bragança fosse entronizado Confrade de Honra é assinalável. Foi precisamente isto que aconteceu em Sernancelhe, no dia 9 de novembro, por iniciativa da Confraria da Castanha e da Confraria da Maçã, que têm em comum o facto de representarem dois produtos que são esteios económicos regionais e que são símbolos da identidade destas Terras do Demo.

Num dia de muito chuva e frio, os confrades concentraram-se no Centro de Artes de Sernancelhe, onde decorreu a receção e o pequeno almoço de celebração da maçã e da castanha. Logo depois saíram em cortejo até ao Auditório Municipal, local que acolheu os visitantes com documentários dedicados ao Concelho de Moimenta da Beira e Sernancelhe e momentos musicais pelo projeto Maria Cachucha.

A palavra de boas-vindas ficou a cargo do Mordomo-mor da Confraria da Castanha, Alberto Correia e do Grão-Mestre da Confraria da Maçã Portuguesa, Francisco Oliva Teles. Carlos Silva Santiago, Presidente do Município de Sernancelhe, e José Eduardo Ferreira, Presidente do Município de Moimenta da Beira, representaram os concelhos que, para além de serem vizinho, depositam nesta confrarias a responsabilidade de ajudarem na promoção dos produtos castanha e maçã, bem como na valorização deste território conhecido pela castanha da variedade martaínha e pela maçã de altitude.

Seguiu-se o elogio da Maçã e da Castanha e a saudação, que ficou a cargo de Olga Cavaleiro, Presidente da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas.

A segunda parta da cerimónia decorreu na Igreja Românica de Sernancelhe, onde o Padre Carlos Carvalho saudou os presentes e benzeu as insígnias das confrarias anfitriãs. Logo depois foram entronizados os novos confrades e o destaque foi para a consagração como confrades de honra da Confraria da Maçã D. Duarte Pio de Bragança e o filho, D. Afonso. Foi entronizado também o jornalista da RTP António Pedro Carvalho e os Presidentes dos municípios de Sernancelhe, Moimenta da Beira e Penedono.