Aquilino Ribeiro vai continuar a ser autor de referência nas escolas de Sernancelhe

Aquilino Ribeiro vai continuar a ser autor de referência nas escolas de Sernancelhe

“O Agrupamento de Escolas de Sernancelhe vai continuar a promover a leitura e o estudo da obra de Aquilino Ribeiro”. A afirmação foi proferida na tarde de 28 de maio, pela Diretora do Agrupamento de Escolas de Sernancelhe, Fátima Correia, durante a cerimónia de apresentação do livro “Havia três dias e três noites… e depois”, da autoria dos alunos daquela Escola, a partir da obra “Romance da Raposa”, de Aquilino Ribeiro.

 FILANDORRA ESTREOU “MESTRE GRILO CANTAVA E A GIGANTA DORMIA"

FILANDORRA ESTREOU “MESTRE GRILO CANTAVA E A GIGANTA DORMIA”, DE AQUILINO RIBEIRO, EM SERNANCELHE, NO DIA 27 DE MAIO

No âmbito das Comemorações do centenário da obra “Terras do Demo” de Aquilino Ribeiro, a Filandorra – Teatro estreou, no dia 27 de maio, no Auditório Municipal de Sernancelhe, terra natal do autor, a 74ª produção da Companhia, “Mestre Grilo Cantava e a Giganta Dormia” inserta na obra de referência “Arca de Noé III Classe”. As crianças do Concelho foram brindadas com um antestreia e, à noite, a sala encheu-se para assistir ao momento em que a obra de Aquilino Ribeiro passa para o teatro e com sucesso inquestionável.

AQUILINO RIBEIRO HOMENAGEADO NA SUA TERRA NATAL COM CERIMÓNIA DE APRESENTAÇÃO DE POSTAL COMEMORATIVO DAS “TERRAS DO DEMO”

AQUILINO RIBEIRO HOMENAGEADO NA SUA TERRA NATAL COM CERIMÓNIA DE APRESENTAÇÃO DE POSTAL COMEMORATIVO DAS “TERRAS DO DEMO”

O dia 27 de maio marca o dia da morte de Aquilino Ribeiro. Em 1963, há precisamente 56 anos, o escritor natural do Concelho de Sernancelhe partia, deixando ao país um legado extraordinário no campo da literatura, da cultura, da tradição e da identidade das terras que batizou de “Terras do Demo”. Por isso, os municípios de Sernancelhe, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva, sob a égide da Fundação Aquilino Ribeiro, uniram esforços e, desde o dia 11 de maio que celebram Aquilino pelo País. No dia 27 de maio, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Sernancelhe, viveu-se mais um momento memorável com a apresentação do Inteiro Postal, editado pelos CTT, e que homenageia 100 anos da edição de “Terras do Demo”.

 Aquilino Ribeiro faleceu há 56 anos

27 de maio: Aquilino Ribeiro faleceu há 56 anos. Sernancelhe homenageia escritor com estreia nacional de uma peça de teatro e um Postal dos CTT

O dia 27 de maio é uma data marcante para o calendário dos concelhos das “Terras do Demo”. Há precisamente 56 anos falecia Aquilino Ribeiro, o escritor português natural do Carregal, Sernancelhe, considerado uma das figuras mais importantes da literatura portuguesa do século XX, reconhecido com Honras de Estado em 2007 e passando a estar no Panteão Nacional.

Sernancelhe evoca Aquilino Ribeiro e as “Terras do Demo” com programa cultural, de 27 de maio a 2 de junho

Sernancelhe evoca Aquilino Ribeiro e as “Terras do Demo” com programa cultural, de 27 de maio a 2 de junho

Sernancelhe evoca Aquilino Ribeiro e as “Terras do Demo” com programa cultural, de 27 de maio a 2 de junho

No ano em que se assinalam 100 anos da obra “Terras do Demo”, o Município de Sernancelhe inicia a 27 de maio um programa evocativo da memória do escritor com cinco iniciativas culturais, que contemplam a apresentação de um Postal dos CTT, a estreia nacional de uma peça de teatro com a Filandorra – teatro do Nordeste, a edição de um livro infantil com o Agrupamento de Escolas de Sernancelhe, uma semana de atividades desenvolvidas pelas Biblioteca Municipal e mais uma edição da Feira Aquiliniana, no Santuário da Lapa.

Conservatório Regional de Música de Ferreirim animou a Missa na Basílica da Santíssima Trindade, no Santuário de Fátima

Conservatório Regional de Música de Ferreirim animou a Missa na Basílica da Santíssima Trindade, no Santuário de Fátima

Foi um acontecimento memorável: os alunos do ensino articulado da música dos concelhos de Sernancelhe, Aguiar da Beira e Penalva do Castelo, integrados no Conservatório de Musica de Ferreirim, animaram a Missa na Basílica da Santíssima Trindade, no Santuário de Fátima, no domingo, dia 19 de maio.

Sernancelhe, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva trouxeram a alma das “Terras do Demo” ao Mercado de Alvalade, em Lisboa

Sernancelhe, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva trouxeram a alma das “Terras do Demo” ao Mercado de Alvalade, em Lisboa

No âmbito do centenário da obra “Terras do Demo”, de Aquilino Ribeiro, os municípios de Sernancelhe, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva vieram à Capital, mais exatamente ao icónico Mercado de Alvalade, e mostraram os produtos que identificam região. Fumeiro, mel, queijo, castanha, maçã, espumantes, azeite, licores e uma variedade assinalável de produtos de grande qualidade foram expostos, degustados e muitos lisboetas quiseram levar para casa os sabores e os cheiros das terras de Aquilino Ribeiro.

Municípios de Moimenta da Beira, Sernancelhe e Vila Nova de Paiva mostram produtos das “Terras do Demo” em Lisboa

Municípios de Sernancelhe, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva mostram produtos das “Terras do Demo” em Lisboa

Municípios de Moimenta da Beira, Sernancelhe e Vila Nova de Paiva mostram produtos das “Terras do Demo” em LisboaOs Municípios de Moimenta da Beira, Sernancelhe e Vila Nova de Paiva, representantes das “Terras do Demo”, assim batizadas por Aquilino Ribeiro há 100 anos, vão protagonizar uma mostra conjunta de produtos destas terras no Mercado de Alvalade, em Lisboa, no próximo sábado, dia 18 de maio.

A iniciativa, integrada na programação Alvalade Capital da Leitura (programa detalhado em anexo), dinamizada pela Junta de Freguesia de Alvalade em parceria com várias instituições culturais da cidade de Lisboa, insere-se também nas comemorações nacionais do Centenário da edição da obra literária “Terras do Demo”, editada por Aquilino Ribeiro em 1919.

quarta-feira, 15 maio 2019 08:55

Marquês de Pombal nasceu em Sernancelhe

Marquês de Pombal nasceu em Sernancelhe

Marquês de Pombal nasceu em Sernancelhe. Concelho vai participar num dos maiores projetos de investigação histórica em Portugal

Uma equipa de investigadores garante que Marquês de Pombal, Sebastião José de Carvalho e Melo, nasceu em Sernancelhe em 13 de maio de 1669. A descoberta é uma das muitas confirmações que o projeto de investigação “Pombal Global” dará a conhecer ao País nos próximos cinco anos, e que foi apresentado oficialmente no dia 13 de maio de 2019, na Igreja da Memória, em Lisboa, onde foram assinados protocolos de financiamento para apoiar o projeto histórico científico de identificação, levantamento, transcrição, anotação e edição criticamente anotada de toda a obra escrita do Marquês de Pombal e redigida sob a sua orientação. Armando Mateus, Vereador da Cultura, representou o Município de Sernancelhe.

Pág. 9 de 28