SERNANCELHE PARTICIPA NA SEMANA EUROPEIA DAS CIDADES E REGIÕES SUSTENTÁVEIS, PROMOVIDA PELA U.E., COM O PROJETO DE REGERAÇÃO DA AVENIDA DAS TÍLIAS

Sernancelhe está a participar na Semana Europeia das Cidades e Regiões, promovida pela União Europeia, e que valoriza projetos sustentáveis, como é o caso da regeneração promovida na Avenida das Tílias, a principal artéria da Vila, e que foi alvo de uma intervenção de fundo, contando hoje com mais de 700 m2 de espaços verdes e mais de uma centena de árvores, tudo isto sustentado por um inovador aproveitamento da água das chuvas.

Vale a pena conhecer este projeto e ver o vídeo que enviámos para a União Europeia:

O Plano de Ação de Regeneração Urbana (PARU) de Sernancelhe permitiu intervir a nível urbanístico, reformular infraestruturas e torná-las mais eficientes, criar espaços verdes e equipamentos de utilização coletiva e promover a sustentabilidade ambiental, cultural, social e económica da Vila, com especial enfoque na correta gestão do recurso ÁGUA e na transição para uma economia com baixas emissões de carbono.

A centenária Avenida das Tílias padecia da existência de um posto de combustível, de um congestionado fluxo de trânsito e de consequentes elevados níveis de poluição. O projeto permitiu inverter este cenário, começando pela desativação das bombas de gasolina, reformulação da faixa de circulação automóvel com a colocação de cubos de granito para que a trepidação fosse indutora de redução de velocidade, aumento de passagens pedonais, redefinição de espaços de estacionamento, novos espaços verdes e um jardim de proximidade, a ainda do reforço da preservação do património vegetal e introdução de novas espécies arbóreas.

Porém, a grande inovação ambiental do Projeto de Requalificação da Avenida das Tílias foi o aproveitamento da ÁGUA. Para tal, foi criada uma rede de drenagem de águas pluviais, permitindo a captação e reutilização das mesmas para esta nova Avenida “Verde”. Foi projetado um depósito subterrâneo, com uma capacidade superior a 52 mil m3, que acumula a água que seria desperdiçada e é agora essencial para o equilíbrio ecológico da nova Avenida, assegurando a rega de 722 m2 de espaços verdes criados e 104 árvores. Todo este processo é operacionalizado por tecnologia, destacando-se a ativação do sistema de rega por uma app via smartphone.

A nova Avenida das Tílias é agora VERDE, onde a ÁGUA alimenta os jardins, os repuxos que adornam os espaços, a que se junta a rotunda dos Combatentes, onde a água desce em patamares, simbolizando o percurso da serra até ao Rio Távora, e ainda na Cascata das Tílias, em que a água salta de entre as pedras graníticas em movimentos sincronizados.

Este é o esforço de Sernancelhe para combater as alterações climáticas e o nosso contributo para uma Europa mais sustentável.